GUIA ALIMENTAR – DESTAQUES

 

1 - Lavar e descascar ao invés de tirar do pacote

Escolher alimentos in natura será sempre um caminho mais seguro em relação a alimentos que encontramos dentro de pacotes, latas ou embalagens nos supermercados. Nem sempre este segundo grupo representa um alimento processado ou ultraprocessado. Há muitas opções saudáveis e bacanas embaladas no supermercado, mas tem algo melhor do que uma fruta, um legume, uma verdura fresquinha, que a gente só precisa lavar bem antes de consumir? Estas são escolhas que sempre estarão certas.

 

2 – Precisa mesmo de sal e açúcar?

“Menos é mais”. Esta frase pode ser aplicada em diversas situações, inclusive na alimentação. No caso do sal e do açúcar, eles não são completamente vilões e não devem ser abolidos de vez da nossa alimentação, salvo algumas exceções, como no caso dos bebês muito pequenos, ou em casos de algumas questões de saúde específicas. Em geral, em quantidades moderadas, o sal e o açúcar podem realçar o sabor dos alimentos e deixá-los ainda mais gostosos. Mas sempre com moderação. É interessante sempre provar antes de acrescentar qualquer um dos dois, para ter certeza de que realmente precisamos adicionar.

 

3 – Ultraprocessados: você sabe o que está consumindo?

Por trás de tanto sabor, cores vivas e embalagens incríveis, uma infinidade de substâncias para encobrir os sabores indesejáveis dos produtos que estão ali apenas para que aquilo que você está consumindo fique ainda mais bonito e gostoso. Infelizmente, tudo isso traz diversos prejuízos ao nosso corpo e muito pouco benefício. Que tal procurar substitutos deliciosos e nutritivos para fazer a sua alimentação além de deliciosa, também muito mais saudável?

 

4 – As cores do seu prato

Quantas cores há em sua refeição? Você sabia que quanto mais cores você encontrar no seu prato, mais chances você tem de estar realizando uma refeição balanceada? Isso porque as frutas, verduras e legumes têm uma variedade enorme de cores. Se puder variar, inclusive ao longo do dia, incluindo cores diferentes em suas refeições, melhor ainda. E então, vamos colorir nosso prato?

 

5 – Você não é um camelo, sabia?

Os camelos conseguem ficar mais de 3 semanas sem tomar água, mas no caso dos humanos, em algumas horas o nosso organismo já começa a sentir falta. O ideal é a gente tomar água antes mesmo de sentir sede, pois quando ela vem, é sinal de que o corpo já está sofrendo. Sempre que lembrar, tome um pouco de água. Um corpo bem hidratado funciona muito melhor. Fique ligado!

 

6 – Mastigue, respire e sorria

Agora que você já sabe o que comer, é importante também ficar de olho em como e onde você vai fazer as suas refeições. Comer com pressa, sem prestar atenção, olhando para a televisão ou celular, é uma péssima ideia. Mastigar corretamente os alimentos e prestar atenção na refeição são muito importantes para que você não coma nem mais, nem menos do que precisa. Um ambiente tranquilo e a companhia agradável de familiares e amigos também está valendo!